menu

Dica de Livro: A Hospedeira de Stephenie Meyer

“É um livro de ficção científica que não parece ficção científica – é sobre um triângulo amoroso com apenas dois corpos. O que mais gostei nesse livro foi de explorar o amor de ângulos tão diferentes. O amor pela comunidade, pelo próprio ´eu´, pela família – o amor romântico e o amor platônico.” – Stephenie Meyer

Oiee! おやすみ Oyasumi! Boa Noite 😀
Li esse livro e amei muito!

Quando comecei a ler achei que nunca ia terminar mas quando eu cheguei no capitulo 4 no mesmo instante eu já estava no 11 e passei pro 16 e viciei :O O livro é tão bom que eu passei quase uma tarde inteira lendo que chega minha mãe disse que não tinha me visto o dia inteiro (hahahaha) continuei lendo até quando acabou se tivesse mais uns 10 eu lia :O (hahahaha)

Quando terminei de ler queria ler tudo de novo, o livro é muito GRANDE mas também é muito bom! Acho bem melhor do que CREPÚSCULO (confesso não gosto muito, mas nada contra(:!)

Recomendo muito esse livro, pra quem gosta de romance, ação, ficção científica (mas não muuuito), etc. Vai amar esse livro quem ler e com certeza amou o livro quem já leu!

Melanie stryder se recusa a desaparecer. Nosso planeta foi dominado por um inimigo que não pode ser detectado. Os humanos se tornaram hospedeiros dos invasores: suas mentes são extraídas, enquanto seus corpos permanecem intactos e prosseguem suas vidas aparentemente sem alteração. A maior parte da humanidade sucumbiu a tal processo.
Quando Melanie, um dos humanos “selvagens” que ainda restam, é capturada, ela tem certeza de que será seu fim. Peregrina, a “alma” invasora designada para o corpo de Melanie, foi alertada sobre os desafios de viver dentro de um ser humano: as emoções irresistíveis, o excesso de sensações, a persistência das lembranças e das memórias vívidas. Mas há uma dificuldade que Peregrina não esperava: a antiga ocupante de seu corpo se recusa a desistir da posse de sua mente.
Peregrina investiga os pensamentos de Melanie com o objetivo de descobrir o paradeiro dos remanescentes da resistência humana. Entretanto, Melanie ocupa a mente de sua invasora com visões do homem que ama: Jared, que continua a viver escondido. Incapaz de se separar dos desejos de seu corpo, Peregrina começa a se sentir intensamente atraída por alguém a quem foi submetida por uma espécie de exposição forçada. Quando os acontecimentos fazem de Melanie e Peregrina improváveis aliadas, elas partem em uma busca incerta e perigosa do homem que ambas amam.

Espero que tenham gostado da postagem!Beijos Bye 😀

Anúncios

O que achou? Comenta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s