Quem sabe um dia, Cinderela?

ERA UMA VEZ UMA MENINA QUE CRESCEU OUVINDO OS CONTOS DE FADAS, ERA ALEGRE, FELIZ E MUITO SAPECA, ADORAVA A CINDERELA, POIS ERA NA DOÇURA DELA QUE SE ESPELHAVA PARA VIVER. UM DIA ESSA DOCE CRIATURA, SENSÍVEL, INOCENTE E INCRIVELMENTE SONHADORA DESCOBRIU QUE A VIDA NÃO É UM CONTO DE FADAS, AINDA MUITO PEQUENA TORNOU-SE MAIS MUITO MAIS AMARGA E INFELIZ DO QUE A PIOR DAS BRUXAS. 
ALGUM TEMPO DEPOIS JÁ MOCINHA TINHA O CORAÇÃO EM PEDAÇOS COMO UM FINO CRISTAL A QUEM SE ENTREGA POR CONFIANÇA, ESSE TROPEÇA, ESCORREGA E ESSE CRISTAL SE QUEBRA E NÃO SER COLADO. 
NÃO ERA SÓ NA CINDERELA QUE A MENINA AMAVA, TAMBÉM ENTRE SEUS AMORES ESTAVAM A LUA O MAR, COMO MORAVA POR DA PRAIA TODAS AS NOITES DE LUA CHEIA CAMINHAVA A BEIRA-MAR, COM OS PÉS NA AREIA OLHAVA A LUA A FALAVA AO CORAÇÃO:
-SARA CORAÇÃO, SARA!!!
PORÉM, SEU CORAÇÃO SEM FORÇAS NÃO PODIA ATENDE-LÁ.  PASSOU-SE ANOS E ANOS FAZENDO A MESMA COISA, ESSES ANOS DE SOFRIMENTO CUSTARAM-LHE A INFÂNCIA E A ADOLECÊNCIA. CANSADA DE TENTAR MUDOU-SE, ABANDONOU UM DE SEUS AMORES, O MAR. DURANTE SUA VIDA SOLITÁRIA CONSEGUIU SUCESSO, ADMIRAÇÃO, NADA QUE PUDESSE SUPRIR O VAZIO EM SEU PEITO. ENFIOU- SE NA MATA, CONHECEU BELOS LUGARES E ESCULTANDO O CANTO DOS PASSÁROS TINHA UM POUCO DE PAZ, MAS ALGO AINDA ATORMENTAVA-A, OS ESPELHOS DOS QUAIS FUGIU QUANDO VIVIA NA CIDADE, SÓ QUE ESSES NÃO ERAM MÁGICOS, ELA VIA O QUE NÃO QUERIA… ELA VIA SEU SOFRIMENTO. ENTÃO, FUGIU NOVAMENTE, FOI PARA CIDADE. EM UM OLHAR CONHECEU O AMOR E NOVAMENTE A MALDADE DO MUNDO PERSEGUIU- A.
SEM QUERER FOI A CINDERELA, APAIXONOU-SE POR UM RICO HERDEIRO O QUAL JUNTO A ELE ELA SE TRANSFORMAVA NO QUE ELA REALMENTE ERA AOS OLHOS DOS SUPERFICIAIS… UMA SIMPLES SECRETÁRIA, MAIS ELE COMO ERA TÃO ESPECIAL QUANTO ELA FEZ DESSE AMOR DE NOVELA REALIDADE.
A MENINA, AGORA UMA MULHER, VOLTOU A SER FELIZ, A SER TÃO ILUMINADA COMO ERA QUANDO TINHA APENAS SETE ANINHOS, PAROU DE FUGIR, ENCONTROU SEU PORTO SEGURO, SEU POTE DE OURO NO FIM DO ARCO-ÍRIS, PORÉM, SUA FELICIDADE CAUSAVA INVEJA E NOVAMENTE FOI VITIMADA PELA MALDADE DO MUNDO, POIS CONVENCERAM SEU PRÍNCIPE QUE O ENCANTO ERA EM SIFRAS E NÃO EM SENTIMENTOS.
PARA COMPROVAR ESSA FALSA VERDADE O PRÍNCIPE DA NOSSA CINDERELA COMPROU UM DIAMANTE E MANDOU FAZER UM DE VIDRO IDÊNTICO AO VERDADEIRO. COLOCOU NA FRENTE DA SONHADORA AS DUAS PEDRAS, MANDOU QUE FECHASSE OS OLHOS E ESCOLHESSE COM OS OLHOS DO CORAÇÃO, ELA PEGOU A PEDRA FALSA E JOGOU NO CHÃO E DISSE QUE AQUELE ERA SEU CORAÇÃO QUE ESTAVA NOVAMENTE EM PEDAÇOS.
DEPOIS DISSO TORNARAM-SE SOL E LUA, UM NÃO VIVI SEM A LUZ DO OUTRO, MAS, A NOITE E O DIA SÃO DISTANTES DEMAIS PARA O AMOR. VOLTOU A FUGIR FOI PARA PERTO DA PRAIA. EM UMA NOITE VIU SEU AMOR CHORAR FEITO CRIANÇA MAIS DO QUE AS ÁGUAS DO MAR DAQUELA NOITE, OLHOU O CÉU E VIU A LUA E AS ESTRELAS SORRIREM-LHE, ENTÃO ELA CORREU E ABRAÇOU O AMOR DA SUA VIDA… NA PAZ DAQUELE CANTINHO SÓ DOS DOIS ELA APRENDEU FINALMENTE QUE A COLA QUE PODE COLAR O CRISTAL DESPEDAÇADO QUE É O SEU CORAÇÃO CHAMA-SE PERDÃO.
“O IMPORTANTE NÃO É SE VIVERAM FELIZES PARA SEMPRE, MAS SIM SE VIVERAM”.
Ei, pessoal! Gostaram do conto? Acho que ainda não falei para vocês, mas gosto bastante de escrever, sempre imagino histórias sobre tudo e começo a escrever… eu não tinha o costume de publicar até começar a fazer isso em um antigo blog que eu tinha no extinto  Nireblog.com. 
 
Bjinhos
 
Ah, se vocês acharam um pouco infantil.. lembrem que eu tinha 12 anos quando escrevi, então… rs 
 
Kynne
Anúncios

O que achou? Comenta aí!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s