Autoria própria, Contos

Quem sabe um dia, Cinderela?

ERA UMA VEZ UMA MENINA QUE CRESCEU OUVINDO OS CONTOS DE FADAS, ERA ALEGRE, FELIZ E MUITO SAPECA, ADORAVA A CINDERELA, POIS ERA NA DOÇURA DELA QUE SE ESPELHAVA PARA VIVER. UM DIA ESSA DOCE CRIATURA, SENSÍVEL, INOCENTE E INCRIVELMENTE SONHADORA DESCOBRIU QUE A VIDA NÃO É UM CONTO DE FADAS, AINDA MUITO PEQUENA TORNOU-SE… Continuar lendo Quem sabe um dia, Cinderela?

Anúncios